Avião da Egyptair com 66 pessoas a bordo desaparece entre Paris e Cairo


19mai2016---airbus-a320-da-empresa-egyptair-deixa-o-aeroporto-internacional-de-domodedovo-em-moscou-na-russia-1463629562269_615x300Um avião da companhia aérea EgyptAir sumiu do radar na madrugada desta quinta-feira (19). O voo MS804 saiu do aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, às 23h09 (horário local) de quarta e deveria pousar no Aeroporto Internacional do Cairo, no Egito, cerca de cinco horas depois. O Airbus A320 transportava 66 pessoas, sendo 56 passageiros e 10 tripulantes. O último contato feito pelo avião foi com uma torre de controle de Atenas, na Grécia, 10 minutos antes de desaparecer.

Índios da Tribo Pataxó vão acampar em frente a Prefeitura de Jequié e fazer a dança da guerra


ea6d820c769f8565cc43fff2e56a4e77Aproximadamente 20 Índios da Tribo Pataxó Coroa Vermelha, da cidade de Santa Cruz Cabrália, na Bahia, deverão chegar em Jequié até o final do mês de maio para lutar pelos direitos de uma indígena que teve a casa tomada pela justiça no bairro Jequiezinho. Os filhos da índia Julia Maria de Souza foram na Prefeitura de Jequié na manhã desta quarta-feira (18), com o intuito de conversar com o Prefeito Sérgio da Gameleira e não foram recebidos por ele. “Os índios vão vir pintados para dança o auê (dança da guerra) em frente da Prefeitura até que o prefeito nos atenda e dê uma solução para nossa mãe”, disse a filha. Dona Julia morou durante 40 anos em uma casa no Inocoop, bairro Jequiezinho, recentemente ela foi surpreendida com uma ordem de despejo onde um casal alegou ter comprado a casa na mão do suposto dono. O caso foi parar na justiça, dona Julia está morando de aluguel enquanto o caso não é julgado. A família da índia alega que ela é a dona da casa por que teria ganhado a residência do saudoso ex prefeito Ladulfo Caribé, é o chamado usocapião (é um modo de aquisição da propriedade e ou de qualquer direito real que se dá pela posse prolongada da coisa, de acordo com os requisitos legais, sendo também denominada de prescrição aquisitiva). Jr. Mascote.

Juiz determina multa e prisão de Rui e Vitório caso descumpram nomeação de servidores


Rui Costa(1)O governador da Bahia, Rui Costa, e o secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, podem ser presos por não nomearem agentes penitenciários. A decisão foi originalmente proferida em 19 de setembro do ano passado pelo juiz Mário Soares Caymmi Gomes, porém o governo conseguiu postergar a ordem judicial com recursos – até uma nova concessão de um novo despacho nesta quarta-feira (18). Além da prisão, o magistrado imputa multa de R$ 5 mil por dia e por funcionário e deve ser paga do próprio bolso pelos gestores. Segundo Gomes, “existe, de fato, ilegalidade” na prorrogação de Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) de agentes penitenciários na Bahia. “Os contratos temporários de Agente Penitenciário em Regime Especial de Direito Administrativo estão sendo feitas ou estão sendo renovadas não obstante exista concurso público já finalizado com vistas ao preenchimento destes mesmos cargos porém por meio de regime jurídico distinto, qual seja, cargo de provimento efetivo o que torna evidente a má-fé dessas contratações precárias, posto que conflitantes com o princípio da moralidade pública e da eficiência, na medida em que cria um novo processo seletivo de pessoal de maneira desnecessária, e em vilipêndio dos cidadãos que se inscreveram no concurso público anteriormente e estão sendo ignorados sem justo motivo pela Administração e em contrariedade a lei, que exige que para que seja feita essa contratação haja motivo excepcional, que inexiste ante a formação de cadastro com inúmeros aprovados em concurso público para exercerem as mesmas funções”, diz na peça. Ainda segundo o magistrado, “em razão do exposto entendo ser prudente que, além da obrigação de fazer acima apontada, também seja determinado que os aprovados no concurso para Agente Penitenciário, dentro do número de vagas, sejam nomeados em prazo máximo de 60 dias, com a imediata extinção dos contratos Reda em número equivalente. Esta decisão passa a vigorar imediatamente e deverá ter efeito a partir da intimação da mesma pelo réu”. Bahia Notícias.

Juliana Paes fala sobre carreira no exterior: ‘Escolhi engravidar e não me arrependo’


RTEmagicC_juliana_paes_tranca_gshow.jpgA atriz Juliana Paes está se despedindo de mais uma personagem de sucesso, a poderosa Carolina Castilho, da novela ‘Totalmente Demais’, da Globo/TV Bahia. Aos 37 anos e com mais de 10 novelas no currículo, Juliana comemora a boa fase na carreira – e também na vida pessoal.

Se preparando para dar adeus à Carolina, Juliana fez um ensaio para o ‘Camarim Gshow’, arrasou nas caras e bocas e falou sobre a vida de atriz. Durante o ensaio, a atriz revelou que não tem planos de investir em projetos internacionais.

“Estou bem aqui. Foi uma escolha. Antes de ter meus filhos, tive um momento que fiquei entre a cruz e a espada. Aquela eleição que me colocou entre as cem pessoas mais bonitas do mundo tinha acabado de sair e foi um ótimo gancho (…) Isso me ajudou bastante e o agente me vendia desta forma. Passei a receber uma enxurrada de pedidos pra teste”.

“Fazia on tape e mandava. Eles gostavam, meu inglês é bom, tenho um acento leve, o que pra eles é desejável. Só que me pediam pra ir pra lá, mas eu estava no meio de uma novela. Diante desse entrave acabou não rolando. Escolhi engravidar, ter a minha família e não me arrependo”, revela. Correio.

Sasha se despede dos amigos da escola antes de se mudar para os Estados Unidos


RTEmagicC_6eb115b2b2.pngPrestes a morar nos Estados Unidos, Sasha, filha da apresentadora Xuxa Meneghel e do ator Luciano Szafir, aparece vestindo beca, ao lado de amigos. As fotos postadas nas redes sociais mostram um ensaio para a formatura da Escola Americana, no Rio de Janeiro, onde estuda desde pequena.

Sasha, que completa 18 anos no dia 28 de julho, vai estudar moda numa universidade norte-americana. As aulas no colégio onde Sasha estuda terminam no 18 de junho, já que segue o cronograma americano, e as aulas na universidade começam no segundo semestre.

‘Se ela chorar, vou atrás’, diz Xuxa sobre ida de Sasha para os Estados Unidos

“Se ela tiver longe, estudando, trabalhando, namorando e me dizer ‘mãe, estou feliz’, está tudo bem. Mas vai chegar um momento que ela vai falar ‘mãe, estou mal’, que vai pedir colo e eu não sei como vou fazer para largar tudo por aqui”, comentou ela em entrevista ao ator Fernando Sampaio, o Gahiji da novela ‘Os Dez Mandamentos’, da Record.

Xuxa revela que Sasha, aos 16 anos, já escolheu profissãoRTEmagicC_9fc1dbf816.jpg

Mamãe coruja assumida, Xuxa ainda comentou que quando a filha precisar dela, não saberá o que fazer para ‘largar’ o trabalho. “Tinha que botar nos contratos uma coisa assim ‘quando a filha chorar eu pulo fora'”, brincou. “Eu não vou conseguir ficar aqui. Então, me deixa ir para lá. Porque se ela chorar ou pedir colo, vou ter que ir”, acrescentou a mãe de Sasha. Correio.

Jequié: Antonio Brito agora já fala em ser pré candidato a prefeito


britoO deputado federal Antônio Britto até 15 dias atrás estava sem grupo e sem saber a quem iria apoiar como pré candidato a Prefeito de Jequié, mas, com a posse de Sérgio da Gameleira como prefeito interino da cidade, o deputado já se posicionou e está colado com o prefeito. Em uma entrevista na manhã desta segunda-feira, no Programa Conexão, da Cidade Sol FM, Brito disse que não descarta a possibilidade deles mesmo ser o pré candidato a prefeito, como também não descartou a possibilidade de apoiar outro nome. Ele reafirmou que não vai indicar nenhum nome para compor o governo municipal e se colocou a disposição para ajudar no que for possível e representar ainda mais Jequié no congresso nacional. “Não pode pensar nesse momento em reeleição, temos que executar os projetos da cidade e fechar a sangria que vinha sendo feita pelo governo da ex prefeita. Não é possível que uma prefeitura que execute 25 milhões de reais estivesse passando por tantas dificuldades,” disse AB. Assim que saiu da entrevista ele seguiu para a Prefeitura de Jequié, onde se reuniu com o Prefeito Sérgio da Gameleira discutindo ações e investimento para o município. Jr. Mascote.

Vereador de Manoel Vitorino vai processar o Prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira


Portal CatingalUm vereador da cidade de Manoel Vitorino disse que vai entrar na justiça contra o prefeito interino de Jequié, Sérgio da Gameleira. Ailton do Sindica disse que vai processa o prefeito de Jequié por que quando ele assumiu a prefeitura deu uma entrevista e citou o nome de Ailton como sendo um dos funcionários fantasmas do governo da ex-prefeita Tânia Britto, inclusive tendo carros locados na Prefeitura de Jequié. Ele disse Sérgio vai ter que provar na justiça que teria carros locados ou cargos na gestão municipal. Ailton é vereador na cidade de Manoel Vitorino e tem seu reduto eleitoral na região rural de Lagoa da Pedra. Sérgio da Gameleira teria dado essa declaração durante entrevista em uma rádio e ainda não se posicionou sobre a denúncia.

Em resposta a ouvidoria emitiu a seguinte nota:

Foi encontrado, sim, uma planilha na prefeitura de Jequié com a lista de cargos e quem os indicou. A lista não foi produzida pela gestão Sérgio da Gameleira. A lista foi encontrada com uma quantidade de cargos indicados e, ao lado, escrito à mão os donos dos cargos e entre os citados existe, sim, uma citação ao vereador de Manoel Vitorino. Não podemos dizer se a pessoa que exercia o cargo trabalhava ou não trabalhava. Isto ainda está sendo investigado. O fato real é este: pela lista encontrada, o cargo por assim dizer possuía um “padrinho” e um destes, pela marcação do nome na lista, era o citado vereador. Se é verdade ou se é mentira está lá na planilha com os cargos indicados e os nomes dos “proprietários” dos cargos. Portanto reafirmamos que existe sim essa lista e está lá para ser comprovada. O vereador tem direito, se quiser, ir à justiça requerer os direitos dele mas o prefeito Sérgio da Gameleira tem todos os dados comprobatórios com a lista de cargos indicados e seus “proprietários”. Voltamos a afirmar que a lista não diz que o vereador recebia o pagamento pelo cargo nem diz que o funcionário indicado não trabalhava. Diz o nome do funcionário e o “padrinho” do cargo. Jr. Mascote.

MPF lança consulta pública sobre combate à corrupção e pede vigilância da sociedade


IMAGEM_NOTICIA_5O Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA) lançou nesta segunda-feira (16) uma consulta pública para ouvir a população sobre como pode melhorar seu trabalho de combate à corrupção. Para participar, o cidadão deverá preencher o formulário que estará disponível emwww.mpf.mp.br/ba/consulta-publica-2016. Na consulta, o participante poderá indicar as áreas em que percebe melhor atuação pelos procuradores da República na Bahia, citar investigações e ações marcantes e escolher as áreas em que considera o MPF mais atuante. É possível, ainda, enviar contribuições por meio do campo aberto disponível no final do formulário. Ao Bahia Notícias, a procuradora da República Melina Montoya Flores, coordenadora do Núcleo de Combate à Corrupção do MPF-BA, afirmou que, no cenário atual, em que o país pede o fim da corrupção, é preciso fortalecer as instituições. “Precisamos que a sociedade esteja vigilante, que se mantenha atenta, se mantenha fiscalizando e reclamando, nas redes sociais, reclamando perante os órgãos de imprensa, reclamando diuturnamente daquelas situações em que o agente público não está agindo de acordo com a lei. Nós precisamos que a sociedade compreenda que o MPF, atualmente, nessa luta, é o instrumento, é o canal que a população tem para levar sua denúncia e aguardar que as ilegalidades, que as pessoas que infringiram a lei, sejam responsabilizadas”, afirma. A procuradora afirma que a atuação do Núcleo de Combate à Corrupção encontra uma dificuldade ao fazer as investigações: a falta de divulgação de informações que são públicas em sites de prefeituras. O MPF, diante disso, mantém um ranking de transparência das prefeituras no país. As áreas mais demandadas do núcleo é o da saúde e educação, que mais recebem recursos públicos. Melina Montoya diz que o trabalho na Bahia é importante, e que o estado “precisa que os órgãos de controle, Ministério Público, e demais órgãos, continuem diligentes e atuantes, porque precisamos melhorar a aplicação dos recursos públicos e a atuação do agente público”. O MPF recebe denúncias pela internet, por escrito e atua de ofício quando são informados pela imprensa de casos de corrupção. A atuação é coordenada com outros órgãos baianos que atuam no combate à corrupção como a Polícia Federal, Receita Federal, Tribunal de Contas, Controladoria Geral, que fiscalizam a aplicação de recursos federais. O MPF ainda liderou uma campanha para que o Congresso Nacional aprove dez medidas de combate à corrupção. O órgão recolheu mais de dois milhões de assinatura, e agora trabalha com a sensibilização de parlamentares com o projeto. “Apenas com reformas sistêmicas e estruturais, o nosso país pode avançar no combate à corrupção”, finaliza a procuradora.