Cabo Daciolo ultrapassa Boulos e Amoêdo em pesquisa eleitoral


Foto: Divulgação

O nome do Cabo Daciolo foi incluído pela primeira vez em uma pesquisa eleitoral. Após ter reclamado publicamente durante o debate na Band, o candidato à presidência pelo Patriota figura entre os nomes do levantamento mais recente do Instituto Paraná.

Sua popularidade não pode ser medida apenas pela quantidade de memes na internet. Mesmo sem estrutura partidária e dinheiro para a campanha, ele tem 1,2% de intenção de votos.

Ficou à frente de figuras mais conhecidas como João Amoêdo (Novo), que tem 1,1%, Henrique Meirelles (MDB), que aparece com 0,9%, e Guilherme Boulos (PSol), com apenas 0,7%.

Ainda está muito distante de Jair Bolsonaro, que lidera com 23,9%, ou de Marina Silva, com seus 13,2%, ou ainda Ciro Gomes (10,2%) e Geraldo Alckmin (8,5%). Mesmo assim, trata-se de um feito enorme para alguém que praticamente foi “apresentado” ao Brasil no debate do dia 9. Os próximos encontros do tipo podem ser sua oportunidade de firmar posição, uma vez que terá poucos segundos no horário gratuito de TV.

A pesquisa entrevistou 2.002 eleitores em 26 estados e no Distrito Federal e em 168 municípios entre os dias 9 e 13 de agosto. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

MBL pede ao TSE impugnação da candidatura de Lula à Presidência


Foto: Divulgação

O candidato a deputado e ativista Kim Kataguiri, do MBL, e o ator Alexandre Frota contestaram o registro da candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República.

Foram os primeiros pedidos de cassação depois que a candidatura foi oficializada perante a Justiça, nesta quarta (15).

De acordo com a assessoria de imprensa do TSE, a resolução que trata de prazos para contestações estipula que “cabe a qualquer candidato, partido político, coligação ou ao Ministério Público, no prazo de 5 (cinco) dias, contados da publicação do edital relativo ao pedido de registro, impugná-lo em petição fundamentada”. O edital ainda não foi publicado pelo TSE.

O PT registrou no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), na tarde desta quarta-feira (15), a candidatura do ex-presidente Lula. O registro foi protocolado pessoalmente no balcão do TSE por dirigentes do partido.

Visitas a Lula na prisão fazem MPF temer interferência dele no processo eleitoral


Foto: Reprodução

O Ministério Público Federal levantou junto à Justiça uma série de dúvidas acerca de visitas religiosas e de advogados que o ex-presidente Lula vem recebendo na prisão na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR), onde está desde abril.

De acordo com a Folha, o MPF considera que o fato de vários políticos receberem procuração do petista para defendê-lo, tendo livre acesso a ele na prisão, pode ser uma tentativa de ludibriar as regras e permitir que Lula interfira no processo eleitoral.

Os procuradores citam o ex-prefeito Fernando Haddad e a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, como exemplos de advogados que estariam, na verdade, atuando politicamente nas visitas que fazem ao ex-presidente. Eles pedem que a polícia esclareça o sistema de visitas.

Lula declara patrimônio de R$ 7,9 milhões ao TSE; Haddad tem R$ 428,5 mil


Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

Candidato à Presidência da República, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ter R$ 7,9 milhões em bens. Já o vice dele, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), reportou à Justiça Eleitoral que possui patrimônio de R$ 428,5 mil.

Nesta quarta-feira (15), o PT registrou a candidatura de Lula e Haddad no TSE, em Brasília. O ato foi antecedido por uma marcha feita por militantes que defendem a participação do ex-presidente na disputa pelo Palácio do Planalto.

De acordo com a declaração de bens, de todo o patrimônio de Lula, R$ 6,3 milhões são provenientes do Vida Gerador de Benefício Livre (VGBL), um plano de previdência privada. Além disso, o petista tem um terreno no valor de R$ 530 mil.

A Justiça Eleitoral vai decidir se permite, ou não, a participação do ex-presidente na disputa. Condenado em segunda instância no caso do tríplex do Guarujá (SP), o petista pode ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa e, por isso, impedido de concorrer. A tendência é que o TSE indefira a candidatura de Lula até o início de setembro. Com isso, quem substitui o ex-presidente é Haddad, que terá como vice a deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB).

Antônio Brito tem projeto de lei que garante a visualização do Sistema Único de Assistência Social aprovado pelo Senado Federal


Foto: Divulgação

Foi aprovado, ontem (7), pelo plenário do Senado Federal, o projeto de lei da Câmara, de autoria do deputado Antônio Brito com a deputada Benedita da Silva, que garante a visualização do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), favorecendo a identificação das instituições de atendimento, nos moldes da identidade visual que caracteriza o SUS. O PLC 112/2014, que é fruto do trabalho do trabalho do deputado na Comissão de Seguridade Social e Família, tem por finalidade fortalecer o SUAS, consolidando-o como Política de Estado, de modo a padronizar a sua marca em unidades públicas estatais, entidades e organizações de assistência social, serviços, programas e projetos. A iniciativa aprovada no Senado também visa ampliar o acesso da população de rua a medicamentos, eliminando exigências burocráticas como o registro de endereço a quem não possui moradia. O projeto foi encaminhado para sanção presidencial.

TCM vai apurar compra de diplomas de mérito por prefeitos e vereadores


Mera ilustração

O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia vai lavrar Termos de Ocorrência para apurar a compra de diplomas e medalhas, por parte de prefeitos e vereadores – que são vendidos por empresários espertalhões, a título de honraria, por suposto destaque na administração municipal ou desempenho nas câmaras em cidades do interior do Brasil. O TCM vai instaurar processo para que prefeitos e presidentes de câmaras municipais devolvam aos cofres públicos os recursos gastos com a taxa de inscrição para a “cerimônia de entrega da honraria”, assim como os valores gastos de recursos públicos com diárias, hospedagem e transporte para o local do evento.

A decisão de instaurar a investigação para punir os gestores públicos baianos envolvidos foi tomada nesta segunda-feira (06/08) pelo presidente do TCM, conselheiro Francisco de Souza Andrade Netto, após reportagem exibida pela Rede Globo de Televisão, no programa “Fantástico”, no último domingo, denunciando a verdadeira indústria de venda de homenagens que existe no país que atrai – e em alguns casos ilude – gestores públicos de municípios de todo o país. A reportagem comprovou a venda de “diploma de mérito e medalha” ao mostrar um jumento – que foi identificado como administrador municipal – sendo homenageado como um dos “Cem melhores prefeitos do país”.

Numa apuração preliminar feita pelo TCM, 26 prefeituras e 30 câmaras municipais baianas pagaram pelas distinções negociadas pelas empresas “União Brasileira de Divulgação – UBD” e “Instituto Tiradentes”, nos anos de 2017 e 2018. Os diplomas e medalhas custaram um total R$92.983,00.

O “Instituto Tiradentes” foi mais ativo, arrecadou R$80.833,00 nos municípios – 13 prefeituras em 2017 e 26 câmaras no mesmo ano. Em 2018 vendeu prêmios para 12 prefeituras e 10 câmaras. Já o UBD teve como clientes oito prefeitos em 2017 e dois prefeitos em 2018. E ganhou R$12.150,00.

Prefeito participa de reunião para início das obras de recuperação de estradas na região de Beira do Rio


Foto: Levy Barros

Na última segunda-feira (06), o prefeito Heleno Vilar participou de uma reunião com a comunidade de Beira Rio e Salinas para anunciar o início das obras de recuperação de estradas e aplicação de cascalhos em trechos críticos da região. De acordo com o prefeito o objetivo é fazer todo o trecho que liga a Beira do Rio ao Distrito de Catingal, oferecendo mais conforto e segurança aos condutores e facilitando a escoação agrícola que sai da Beira do Rio.

O vereador Jairo Espírito Santo, autor deste requerimento, falou de sua luta pelo povo da região. Em seu discurso Jairo falou que, já colocou uma ambulância para servir a comunidade, juntamente com o prefeito vai recuperar as estradas da região e que está lutando muito para levar água encanada para as casas dos moradores. Jairo falou ainda de sua gratidão ao prefeito Heleno Vilar, que tem atendido seus requerimentos para sua região e que sem o apoio do prefeito ele não conseguiria fazer o que vem fazendo.

Acompanhando o prefeito Heleno Vilar e o vereador Jairo estava os secretários de obra Leonardo Brito, secretário de administração Robério Dias, e a secretária de educação Marlene Costa, além de nosso amigo Del.

As obras iniciam hoje (07), com patrol, retroescavadeira, basculhantes, pá carregadeira e caminhão pipa para molhar e compactar a estrada.