Psicóloga cristã Marisa Lobo afirma no Twitter que seu registro profissional pode ser cassado, caso não negue sua fé


O Conselho Federal de Psicologia acatou denúncia contra a psicóloga cristã Marisa Lobo por professar a fé cristã e divulgar isso nas redes sociais, assim como em palestras em que participa.
Segundo informações publicadas pela própria Marisa Lobo em seu Twitter, o Conselho Federal de Psicologia ameaçou cassar seu registro de profissional caso não negue sua fé em Cristo em até 15 dias. Para evitar a cassação, Marisa Lobo também deveria retirar de seus perfis nas mídias sociais toda e qualquer menção à sua fé, ou parar de exercer a profissão.
Marisa Lobo publicou que nunca teve uma reclamação formalizada no Conselho por parte de pacientes dela, e que esse processo contra ela tratava-se de perseguição religiosa. Diversos seguidores da psicóloga em seu perfil, @psicologiacrista manifestaram apoio, com frases de incentivo e indignação pelo ocorrido. Muitos também questionaram se o direito à liberdade de expressão, crença e culto, previstos na Constituição Federal, não se aplicam ao estatuto do Conselho Federal de Psicologia.
Alguns perfis contrários à postura da psicóloga apoiaram a decisão do Conselho Federal de Psicologia, e todas as mensagens contrárias foram retransmitidas por Marisa Lobo aos seus seguidores, e em resposta, afirmou que “tem uns ateus no meu TT, achando que estou morrendo de medo, por poder ser cassada. Nem sabem que é privilégio ser perseguido por Cristo”.
Marisa afirmou que não negará sua fé cristã para evitar a cassação de seu registro no Conselho, e afirmou que sua crença faz parte de sua identidade: “Eu assinei no conselho e declaro, não nego minha fé. Eles me deram 15 dias para tirar tudo que me ligue a minha fé das minhas redes sociais”. Segundo Marisa, ela tem reunião agendada com o senador Magno Malta na próxima semana para discutir ações a serem tomadas contra a medida do Conselho.

Macaulay Culkin aparece esquelético em passeio


Aos 31 anos, o ator Macaulay Culkin surpreendeu os fãs durante um
descontraído passeio em Nova York na tarde de quarta-feira (8).
Em
foto publicada pelo jornal “The Sun”, o eterno Kevin de “Esqueceram de
Mim” apareceu muito magro e envelhecido, e chocou muita gente.
Especulações
sobre o visual do ator não pararam e apontam principalmente para a vida
familiar de Macaulay, que já teve problemas na justiça com os pais,
perdeu uma irmã em um acidente de carro e foi preso por porte de
maconha.
Além disso, ele acaba de se separar de Mila Kunis – a
atriz de “Cisne Negro” – com quem manteve relacionamento por oito
anos.

Bancada evangélica pede a demissão de “ministra abortista”


No
dia em que a ministra Eleonora Menicucci toma posse na Secretaria de
Políticas para as Mulheres é revelado que a bancada evangélica no
Congresso está pedindo sua demissão.
As declarações recentes da ministra em favor do aborto e o discurso de
Gilberto Carvalho, Secretário-Geral da Presidência da República, estão
gerando revolta nos parlamentares evangélicos que compõe a base aliada.
Gilberto Carvalho já emitiu nota, que  foi lida no plenário da Câmara
ontem alegando que foi mal interpretado e pediu uma reunião com os
parlamentares evangélicos. “De maneira alguma ataquei os companheiros
evangélicos. Quem conhece a minha trajetória sabe do carinho que eu
tenho, do reconhecimento que eu tenho ao trabalho das Igrejas
Evangélicas no País. O que eu fiz lá foi uma constatação política que,
de fato, quem tem presença na periferia do Brasil, quem fala para as
classes sobretudo C, D e E são as Igrejas Evangélicas e, portanto, essa
presença tem que ser reconhecida, é real e efetiva”, escreveu o
ministro.
Eduardo Cunha (PMDB-RJ) se pronunciou publicamente no
Twitter,.convocando os evangélicos para combaterem a nova ministra. “Não
se iludam, a bancada de evangélicos se unirá não só para expressar a
repulsa por essas declarações [de Gilberto Carvalho], assim como para
combater a abortista que nomearam ministra”, escreveu.
“Essa posse da abortista amanhã [hoje] é sintomática para todos nós e
devemos mostrar de forma contundente a nossa revolta. Aborto não. Aliás,
quando a gente lê várias declarações dessa nova ministra, ela está no
lugar e na época errada, devia estar em Sodoma e Gomorra”, completou o
deputado.
A ministra Menicucci  declarou assim que foi anunciada pela presidente
Dilma Rousseff, que considera a discussão do aborto no Brasil não uma
questão ideológica, mas sim de saúde pública, como drogas, HIV e todas
as doenças infectocontagiosas.
O líder do PR no Senado, Magno Malta (ES), após chamar Carvalho de
“safado”, sentenciou: “Nós e os católicos vamos derrotar Haddad em São
Paulo”, mandando publicamente um recado para o PT.
Lincoln Portela, líder do PR na Câmara, deu tom semelhante em seu
discurso: “Esse governo fala tanto em discriminação e vem agora um
ministro tomar uma posição de discriminação em relação aos evangélicos,
chamando-os de retrógrados e dizendo que a lei do aborto não é aprovada
por causa dos evangélicos. Não é a lei do aborto, é a lei do assassinato
de crianças indefesas”.
Por outro lado, a deputada evangélica Benedita da Silva (PT-RJ) defendeu
o ministro, afirmando que suas declarações foram “distorcidas”.
Durante a campanha em 2010, a então candidata Dilma Rousseff, garantiu a
líderes evangélicos que, se eleita, não defenderia a legalização do
aborto e nem a regulamentação do casamento entre homossexuais.
Disputas entre os evangélicos e o PT tem sido mais frequentes dede a
proposta envolvendo o “kit anti-homofobia”, criado por Fernando Haddad
quando ainda estava no Ministério da Educação, e a insistência do
governo não arquivar a PL 122.

Pastor morre no púlpito após concluir sermão


O bispo Barnett K. Thoroughgood  terminou de pregar o sermão de domingo em sua igreja, intitulado “Estou aqui para batalhar”, sentou na cadeira que ficava na plataforma e caiu morto.
Os membros Igreja de Deus em Cristo Nova Jerusalém oravam e choravam ao perceber a situação e viram os paramédicos tentarem reanimar o pastor de 62 anos, mas sem sucesso.
“Ele morreu fazendo o que mais amava”, disse Mable Beckett, membro da igreja. Ela conhecia bem o pastor e disse ainda: “Ele viveu para o seu chamado até o final”.
Thoroughgood fundou a igreja Nova Jerusalém cerca de 42 anos atrás. Hoje ela possui mais de 2.000 membros.
O bispo era conhecido por suas mensagens de fogo, cheias de energia. O último sermão de Thoroughgood foi baseado em 2 Crônicas 20:12, exortando os fiéis a manter os olhos em Deus e o invocar nos momentos de necessidade.
“Você deve viver e não morrer”, disse ele no encerramento da mensagem.
Desde sua morte, centenas de mensagens foram enviadas para a página da igreja no Facebook. Emmanuel, filho do pastor, comentou que “este não é um tempo para chorar ou ficar chateado”, mas em vez disso “devemos louvar”.
As circunstâncias da morte de Thoroughgood chamaram a atenção de várias pessoas, incluindo artistas. Cantores de hip-hop como Missy Elliot, Pharrell Williams e Timbaland frequentam a Nova Jerusalém.
Timbaland twittou às centenas de milhares de seguidores, “Descanse em paz meu pastor, um verdadeiro anjo: Bispo Barnett K Thoroughgood.” Até o cantor Justin Bieber, conhecido pela sua fé, comentou o ocorrido.
Durante um programa de TV, Thoroughgood explicava que “Estar em um bairro de baixa  renda nos apresenta muitas demandas. Não estamos interessados ​​em manter as pessoas nesse nível”, acrescentou. “Estamos interessados ​​ não só em mostrar-lhes Cristo, mas também os benefícios de estarem ligados a Cristo.”

Traduzido e adaptado de CBN

Modelo não desfilará mais de roupa íntima porque isso “não honra a Deus nem seu marido”


Kylie Bisutti é uma famosa modelo americana que ganhou o concurso promovido pela conhecida marca de lingerie Victoria’s Secret em 2009. Ela ficou em primeiro lugar entre as 10.000 participantes do concurso na época.
“Eu decidi não desfilar mãos com roupas íntimas, porque eu sinto que não estou honrando a Deus ou ao meu marido fazendo isso”, disse ela.
“Meu casamento é muito importante e com as taxas de divórcio sempre crescentes, eu faço tudo que posso para proteger o meu casamento e respeitar o meu marido”, disse Bisutti, que casou aos 19 anos, na mesma época em que começou a ficar famosa.
“Trabalhar para Victoria’s Secret era meu grande objetivo na vida, tudo o que eu queria na minha carreira. Na verdade, eu adorava trabalhar lá, foi divertido e eu fiquei bastante conhecida. Mas comecei a sentir cada vez mais desconfortável em posar de roupa íntima por causa da minha fé”, disse a modelo ao canal Fox News. “Eu sou cristã, leio a Bíblia sempre e comecei a me condenar por algumas dessas coisas”.
Kylie Bisutti, hoje está com 21 anos. Devido seu sucesso desde jovem, tem em sua trajetória como uma das “anjinhas” da marca, alguns arrependimentos como frequentar festas e tirar fotos de que hoje se envergonha.
“Eu realmente não quero ser esse tipo de modelo para as meninas, porque eu vi um monte de meninas cristãs olhando para mim como um exemplo e não quero que elas pensem que é certo andar por ai e mostrar para os meninos seu corpo em roupas íntimas”, explica.
No entanto, Bisutti não abandonou sua carreira completamente, apenas não vai mais tirar fotos seminua ou com roupa íntima. Recentemente, ela apareceu juntamente com Jennifer Lopez em um novo comercial para a marca Kohl. Também está envolvida em um novo show de TV que deverá estrear pelo canal CW em setembro.
Bisutti diz que está feliz com a mudança que está acontecendo em sua carreira agora, antes que pudesse ser tarde demais. “Eu caí em muitas coisas… é uma indústria tentadora… Meu objetivo hoje é ser um modelo melhor para a juventude… Eu quero que as pessoas vejam que há algo diferente em mim por causa da minha fé”, finalizou Kylie Bisutti.
Traduzido e adaptado de Daily Mail

SCHWARZENEGGER E STALLONE NO MESMO HOSPITAL


Chegar
aos 60 anos ainda filmando cenas de ação pode não ser uma boa ideia. Ao
menos é o que se conclui por uma foto divulgada na quarta-feira (8)
pelo fortão Arnold Schwarzenegger no Twitter. Eis que o ator e
ex-governador da Califórnia internou-se para fazer uma cirurgia no ombro
e no hospital encontrou justamente o outro fortão sexagenário dos
cinemas, Sylvester Stallone – internado para passar pela mesma cirurgia. 
“Depois
das gravações de Os Mercernários 2, resolvi parar um pouco para fazer
uma cirurgia no meu ombro. Olhem só quem estava, por coincidência, na
fila para fazer a mesma cirurgia no ombro. Agora, estamos prontos para
mais uma rodada. É ótimo estar de volta”, escreveu Schwarzenegger.
A
dupla dinâmica deve se encontrar para o filme The Tomb, de Mikael
Håfström, no qual Stallone interpreta um homem que precisa fugir da
cadeia, e Schwarzenegger será um de seus colegas na prisão.

JEQUIÉ: MAIS UM ASSASSINATO


Edson Ribeiro de Jesus, vulgo Têta, foi
executado a tiros por volta das 20 horas de quinta feira no Alto do
Cemitério, em Jequié. Peritos do DPT e Polícia Civil fizeram o
levantamento cadavérico. Os tiros acertaram o peito e olho. Agora já são
10 pessoas assassinadas em Jequié neste ano.

Em novembro de 2011 agentes do SERVIÇO DE INTELIGÊNCIA DO 19º BPM sob o
comando do 1º TEN PM MICHEL, na terça-feira (29), por volta das 12h
realizaram a prisão de “TÊTA”.

 Acusado de diversos arrombamentos e foi preso por ter sido flagrado
com uma TELEVISÃO SEMP TOSHIBA DE 40 polegadas avaliada em torno de R$
2, 000.00, que teria sido subtraída no dia 26/11/2011 no bar denominado
“BAR DO BIA” localizado na Avenida Tote Lomanto, TÊTA já cumpriu pena no
Conjunto Penal de Jequié pelos mesmos delitos.

‘Para mim é crime não fazer carnaval’, diz pastor sargento Isidório


O deputado estadual Pastor Sargento Isidório (PSB) esteve no inicio da noite desta quinta-feira (9) no Ginásio dos Bancários, no Largo dos Aflitos, onde policiais militares grevistas pertencentes à Associação dos Policiais, Bombeiros e dos seus Familiares da Bahia (Aspra) estão reunidos em assembleia. À vontade, de sandálias e tocando timbau, o parlamentar se colocou solidário ao movimento e defendeu uma proposta no mínimo curiosa para a realização do Carnaval de Salvador. “Mesmo que a situação não se resolva, ainda assim, vou propor que os policiais façam a segurança da festa e, se for o caso, voltem ao estado de greve depois”, sugeriu. “Não se pode sacrificar o carnaval do povo. Para mim, é crime não fazer carnaval”, disse.

General Gonçalves Dias será homenageado


O vereador Alan Castro (PTN), irá homenagear depois do Carnaval o
General Marco Edson Gonçalves Dias, com a maior condecoração do Poder
Legislativo da capital da Bahia, a Comenda Thomé de Souza. A iniciativa
do projeto de resolução, aprovado por unanimidade em dezembro de 2011,
se deu depois do edil conhecer a atuação do General a frente do comando
da 6ª Região do Exercito. 

Garotinho assume que falou com militar envolvido em greve de PMs na Ba


O
deputado federal Anthony Garotinho (PR-RJ) disse nesta quinta-feira (9)
que também conversou na quarta-feira (8) com o cabo do Corpo de
Bombeiros do Rio de Janeiro Benevenuto Daciolo a respeito de assuntos de
interesses da corporação. Garotinho informou que telefonou para Daciolo
várias vezes ao longo do dia. A última ligação aconteceu por volta de
18h45, quando os dois falaram sobre a tramitação da PEC-300, a emenda
constitucional que institui um piso salarial unificado para policiais e
bombeiros de todo o Brasil.

A
coincidência de assuntos fez Garotinho acreditar, erradamente, que ele
tivesse sido o interlocutor de Daciolo na gravação – feita com
autorização judicial – divulgada na quarta pelo Jornal Nacional, em que o
cabo diz haver riscos para a realização dos carnavais de Salvador e do
Rio.

“A
conversa foi muito parecida”, disse o deputado. O interlocutor, porém,
não é ele. Apesar do teor parecido dos diálogos, o deputado fez questão
de esclarecer que não estimulou nenhuma ação de vandalismo por parte do
movimento grevista. As informações são do G1.