“Você sente tanto calor e tanto tormento”, diz jovem que viu o inferno


Josh Miles (Reprodução)

Josh Miles viveu uma experiência de quase morte que mudou completamente sua vida. Ele estava com febre de 41,1º Celsius quando seu pai o levou para o pronto-socorro, mas no caminho ele afirma ter deixado o seu corpo, tendo uma indo “direto para o inferno”.

Durante uma entrevista na Fresh Anointing House of Worship, em Montgomery, Alabama, o rapaz de 25 anos conta  que deixou o corpo e foi levado ao inferno. Ele contou ao Link de Oração, da CBN News, que naquele lugar sentiu muito calor e tormento.

“Você sente tanto calor e tanto tormento”, disse ele ao Link de Oração. “Você está sente tanta dor, arrependimento e paranoia. Digo às pessoas que imaginem o pior dia que você pode ter e multiplique por dez, até 1000 vezes quando você está no inferno. Devemos ter medo de ir para lá”, continuou.

Ele contou que era extremamente difícil de respirar e que tinha uma percepção de que havia milhões de pessoas e demônios naquele lugar. Josh lembrou que o destino pós-morte é uma escolha do homem e que não é Deus quem manda as pessoas para o inferno.

“As pessoas pensam que Deus manda pessoas para o inferno”, ele compartilhou. “Nós escolhemos nosso caminho. Deus nos deu uma vontade por uma razão, para escolher nosso próprio caminho de vida. E se você O escolher, é onde você [não] vai terminar, se você escolher qualquer outro caminho, então o inferno é onde você vai parar.”

Josh enfatizou que o desejo de Deus é para que as pessoas sejam levadas para o Céu, onde poderão viver com Ele, mas isso é uma questão de escolha. “Ele quer que vamos para o céu. Ele quer que vivamos com ele. Ele quer que sejamos Sua Noiva, mas temos que escolhê-Lo ”, acrescentou Josh.

Picada por cobra, médica sai da UTI e diz que ouviu Deus: “Não se esqueça da sua missão”


Médica Dieynne Saugo (Reprodução)

A médica Dieynne Saugo, de 33 anos, deixou a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, após ter sido picada por uma cobra jararaca quando tomava banho em uma cachoeira de Nobres, a 151 km de Cuiabá. Ela agradeceu as orações e disse que se sente vitoriosa pela sua recuperação.

Em tratamento na unidade semi-intensiva, a médica fez uma publicação nas redes sociais onde testemunha sua experiência com Deus enquanto lutava pela vida. Ela disse que a cobra quase a mandou pro Céu e relatou ter conversado muito com Deus, melhorando sua intimidade com Ele.

“Fiquei 9 dias na UTI, conversei muito com Deus, melhorei minha intimidade com ele e quando pedi uma resposta para tudo isso que estou passando, ele me disse: ‘Fique em paz minha filha, ordenei uma equipe de anjos pra te salvar! Não se esqueça da sua missão e do seu propósito de vida! Siga firme e forte na FÉ!’”, testemunhou.

Dieynne foi picada pela cobra no dia 30 de agosto, sendo internada em estado grave por uma semana até ser transferida no dia 3 de setembro para o Hospital Albert Einstein, em São Paulo. No hospital da capital paulista, ela ainda teve diagnóstico positivo para coronavírus.

A médica foi picada nas regiões do rosto e do pescoço, o que acabou comprometendo sua respiração, já que o inchaço impedia que respirasse. Ela acabou recebendo transfusão de sangue e chegou a ser submetida a um procedimento de traqueostomia, onde é feita uma pequena abertura na traqueia para desobstruir as vias aéreas que estavam comprometidas em 70%.

Em outras postagens no Instagram, a médica compartilha sua  e fala sobre Jesus Cristo e sobre Deus, além de postar fotos com versículos bíblicos. O texto de agradecimento foi publicado com uma foto no hospital, onde ela aparece sorrindo.

Tremor de terra é sentido no Recôncavo, Vale do Jiquiriçá e Baixo Sul do estado


Diversas cidades do Recôncavo baiano, Baixo Sul e Vale do Jiquiriçá registraram tremor de terra no começo da manhã deste domingo (30). O tremor ocorreu por volta das 7h45 e foi percebido em Amargosa, Santo Antônio de Jesus, Varzedo, Muritiba, São Miguel das Matas, Laje, Cruz das Almas, São Felipe, Jaguaquara, Valença, Itatim. Só em Amargosa, moradores disseram perceber o incidente em três momentos. As informações foram passadas ao Bahia Notícias pela Defesa Civil do Estado (Sudec). Alguns relatos incluem telhas no chão, móveis balançando e um forte estrondo. Ainda não se sabe o que teria causado o incidente.

Foto: Reprodução / Sudec

Território baiano com seca passa ocupar 77% de área do estado


A área de seca na Bahia atingiu 77,05% do território entre junho e julho deste ano. Antes, o território com seca era de 75,78%, ou 427,9 mil quilômetros quadrados. Com 77,05% de área com seca, o fenômeno atingiu 435,1 mil km² ao final de julho. Os dados são da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) divulgados nesta quarta-feira (19). Segundo a agência, o fato demonstra uma leve subida na área de seca no estado. Influenciou no índice o surgimento de uma área de seca fraca no Extremo Sul baiano, na divisa com o Espírito Santo.

Ali ocorreram precipitações abaixo da média nos últimos meses. Já no Norte do estado, as chuvas tiveram volume acima da média, o que melhorou nos indicadores. Na região houve um discreto recuo das secas fraca e moderada, o que diminuiu a área sem seca. No entanto, a ANA diz que os impactos são de curto prazo no litoral sul e de longo prazo nas demais áreas. A agência também informou que o Monitor de Secas apontou grande variabilidade nas chuvas nas diferentes regiões do estado no último mês. Além da Bahia, outros seis estados registraram aumento das áreas com seca em relação a junho: Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Piauí, Rio de Janeiro e Tocantins.

Em outros quatro estados, o fenômeno teve redução: Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. No Distrito Federal, Ceará, Goiás e Sergipe a parcela do território com o fenômeno se manteve estável. Em termos de severidade, a seca não registrou mudanças significativas entre junho e julho nas 16 unidades da Federação monitoradas.

Coordenado pela ANA, o Monitor das Secas faz o acompanhamento contínuo do grau de severidade das secas no Brasil. O recurso tem como base indicadores do fenômeno e dos impactos causados em curto e/ou longo prazo.

Casal de traficantes é preso na BR 116 transportando 60 barras de maconha


O Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da Polícia Rodoviária Federal prendeu, na tarde desta terça-feira (18), um casal por tráfico de drogas. A ocorrência se deu em frente a unidade policial da PRF, localizada no Km 677 da Rodovia Santos Dumont. A dupla transportava quase 54 Kg de maconha escondidos em compartimento secreto de um carro. Desconfiados, os policiais decidiram fazer uma busca no carro e acabaram encontrando 60 tijolos de maconha escondidos, secretamente, sobre o banco do condutor. Após pesagem os tabletes totalizaram 54 quilos. O impacto financeiro no crime organizado com esta apreensão se aproxima de 60.000 reais. Dada às circunstâncias, o casal foi preso em flagrante delito por tráfico de drogas (art. 33 da Lei 11.343/2006) e foi apresentado à autoridade policial de plantão da Delegacia de Polícia Civil, para formalização dos procedimentos cabíveis.

Pré-candidato a vereador em Catingal grava vídeo de lançamento de pré-campanha


O presbítero da Igreja Assembleia de Deus em Catingal e conhecido no município como pastor Ananias, lançou hoje oficialmente a sua pré-candidatura a uma vaga no poder legislativo municipal de Manoel Vitorino.
Ananias é muito conhecido no município e este ano caiu na graça do povo, agora o “pastor Ananias” quer ser vereador por Manoel Vitorino, pesquisas aponta o nome do pré-candidato como um dos favoritos com grades chances de chegar ao poder.

Hoje o pré-candidato está lançando oficialmente sua pré-candidatura, para isso, Ananias fez um Job de apresentação. Uma mega produção lança oficialmente seu nome, em off, Ananias me disse que tem muitos projetos para apresentar para a população e que o vício político está com os dias contados. “Eu não quero ser vereador, eu quero está vereador para fazer um trabalho voltado para a população que mais precisa”, pontuou o pré-candidato ao parlamento municipal.

Fabilly entra com ação contra Marcos Garapa no Ministério Público


Foto: Divulgação

Fabilly Pinheiro compareceu no Ministério Público, na manhã desta terça-feira, em Jequié, e ofereceu denúncia contra Marcos Moura (Garapa), acusando o mesmo de lesar os cofres públicos. Fabilly sustenta na denúncia o vínculo empregatício de Garapa em duas funções com mesma carga horária de 40 horas, sendo uma na prefeitura de Jequié e em outro estabelecimento. “Como pode uma mesma pessoa ocupar dois vínculos de 40 horas semanais? Denunciamos para que ele mesmo venha prestar esclarecimentos em Juízo, de como conseguia essa impossível façanha”. Finalizou Fabilli. Garapa ofereceu denúncia na delegacia contra Fabilly na semana passada e também responde a um inquérito policial no suposto desvio de detergentes da Prefeitura de Jequié. Jr. Mascote.

Representantes do comércio de Jequié cobram transparência na ocupação dos leitos de UTIs


As associações que representam o comércio de Jequié partiram para o ataque e querem transparência na divulgação das ocupações dos leitos de UTI nos hospitais de Jequié. Em nota divulgada na noite deste domingo eles pedem ajuda a imprensa local para que os dados sejam divulgados com mais transparência.

“As associações veem trabalhando desde março para uma abertura consciente do comércio, mas após a definição dos novos parâmetros onde a ocupação dos leitos de UTI deveria ser dividida entre pacientes jequieense dos pacientes regionais, não estamos mais conseguindo obter essas informações. Portanto, gostaria do vosso apoio para cobrar a todos os responsáveis transparência e informação para nossa população,” assinam a nota Trifino Jr Cdl, Renildo Sidcomercio e Mateus Azevedo Acij. Jr. Mascote.

Marcos Garapa comparece na delegacia e registra queixa contra Fabily e Rebeca


Segundo Garapa, no dia 20/07, elas transmitiram uma live via plataforma Instagram e fizeram acusações de abuso sexual, ameaça de morte, porte de arma de fogo, racismo e exposição de imagem sem autorização previa. Segundo a defesa de Garapa, Rebeca Oliveira chegou a comparecer no dia 20/07, na Delegacia da Mulher em Jequié para prestar queixa contra Garapa, mas apenas fez o Termo de Declaração de um vídeo do seu celular e ameaça de morte, sem mencionar e se quer apresentar nenhuma prova das acusações feitas na DEAM. Segundo a equipe de advogados que acompanha Garapa, tudo não passou de uma grande armação com objetivos políticos já que Marcos Garapa expressa seu desejo em concorrer a uma vaga no legislativo municipal nas eleições desse ano. “Tudo não passou de uma grande irresponsabilidade armada para prejudicar nosso cliente. Não foram apresentadas provas das ameaças de morte, porte de arma de fogo, preconceito e se quer consumação de crime de abuso sexual” disse um dos advogados da equipe. A partir de agora, Rebeca Oliveira e Fabilli Pinheiro responderam a um processo criminal, junto ao Juizado Especial Criminal na Justiça de Jequié pelo crime contra a honra cometidos contra Marcos Moura da Silva, Garapa, conforme art. 139 seguintes, de acordo com a Lei Penal vigente. Jr. Mascote.